Header Ads

Chico Preto - Pre-Candidato ao Governo do Amazonas



Vamos começar as postagem dos Pré-candidatos ao Governo do Amazonas – Chico Preto


Marco Antônio Souza Ribeiro da Costa (Manaus, 25 de junho de 1969 é um político do Amazonas. Atualmente ocupa o cargo de deputado estadual pelo Amazonas.
Formado em Direito pela Universidade Nilton Lins, o parlamentar iniciou-se na política aos 23 anos, ao se candidatar vereador, conquistando, de início, uma suplência. Em 1996, conquistou seu primeiro mandato como vereador, com 2.456 votos. Reelegeu-se em 2001, com mais do que o dobro de votos, e, em 2003, foi eleito presidente da Câmara Municipal de Manaus, ocupando o cargo por dois anos.
Elegeu-se deputado estadual em 2010, com 26.153 votos.

Mandatos Eletivos


Vereador 1997-2000; Vereador 2001-2004; Vereador 2005-2008, Deputado Estadual (Suplente) 2006-2010; Deputado Estadual 2011-2014.

Filiação Partidária


É filiado ao (PMN).


Atividades profissionais e cargos públicos

  • Presidência da Comissão Permanente de Economia, Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Manaus - Biénio 1996-1998.

  • Secretário da Secretaria de Estado do Trabalho e Cidadania (Setraci) - Janeiro de2003 a Março de 2004.

  • Presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM) - Biénio 2005-2006.

  • Presidência da  Comissão  de  Serviços  Públicos  da  Câmara  Municipal  de Manaus (Comserp) - Biênio 2007-2008.

  • Presidente da Comissão de Gestão e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas - Biênio 2011-2012





Histórico Político


Aos 23 anos, iniciou sua carreira política em 1992, quando se filiou ao PCN e candidatou-se a vereador, conquistando uma suplência. Na gestão do prefeito Eduardo Braga, em 1994, desenvolveu a articulação comunitária, no âmbito da Secretaria Executiva da Secretaria Municipal de Obras (Semosb).


Dois anos depois, em 1996, elegeu-se vereador pela primeira vez em Manaus, cony 2.456 votos, assumindo no ano seguinte. Conquistou a reeleição para o quadriénio 2001 2004, com 7.428 votos, e foi novamente reeleito, com 6.550 votos, para a legislatura 2005-2008. O parlamentar também foi secretário de Estado do Trabalho e Cidadania (Setraci), no período de janeiro de 2003 a março de 2004.


Em 2006, filiou-se ao PMDB, partido pelo qual disputou as eleições de 2006 como deputado estadual, quando obteve 22.909 votos. Foi o 11° candidato a deputado que obteve o maior número de votos, entretanto não foi eleito para uma das 24 vagas da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM), em razão da regra eleitoral que estabelece o voto de legenda, que considera o quociente eleitoral.


Em 2008, Chico Preto assumiu na casa legislativa como deputado suplente. Um ano depois, o parlamentar deixou a vaga. Entretanto, nas eleições de 2010, ele garantiu 26.153 votos no Estado do Amazonas e regressou à Aleam.


Conheça as principais leis assinadas por Chico Preto:


Filas - A Lei 167/05 determina um limite máximo, nos dias normais, de 15 minutos de espera nas filas de instituições privadas, como bancos e concessionárias de serviçospúblicos de água, luz e telefone.

Meia-passagem - A Lei 777/04 permite o uso da meia-passagem nos finais de semana e feriados. Até então, os alunos da rede pública e privada só podiam usar a meia-passagem de segunda à sexta-feira.

Materiais escolares - A Lei 170/05 põe um freio nos abusos cometidos através da lista de material das escolas particulares. Agora, as escolas são obrigadas a pedir apenas material de uso didático-pedagógico, pois o material de expediente está proibido de constar na lista.


Câmeras nos ônibus - A Lei 789/04 obriga as empresas que irão participar de qualquer licitação para o transporte coletivo na cidade a instalarem microcâmeras no interior dos ônibus.


Caixas eletrônicos - A Lei 969/06 obriga as instituições bancárias e os estabelecimentos comerciais que mantiverem em suas dependências caixas eletrônicos a oferecerem durante 24 horas e 7 dias por semana segurança ostensiva (guardas armados).


PCCV - Chico Preto, como presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM),promulgou, no dia 13 de novembro de 2005, a Lei 169/05, que dispõe sobre o novo Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) dos servidores efetivos da Casa, que começou a vigorar em 1° de janeiro de 2006.


Recesso Parlamentar - Chico Preto, com um posicionamento firme, defendeudiminuição do recesso parlamentar na Câmara Municipal de vereadores, um anseio de 3( anos. O projeto de emenda a Loman 01/2006, de sua autoria, reduziu o tempo das "férias dos vereadores" de 90 para 55 dias por ano.


O Blog esta a disposição para receber suas propostas.
ronaldodeguadalupe@gmail.com

Nenhum comentário:

Patrocinador

Mídia Social Ronaldo Aleixo . Tecnologia do Blogger.