Header Ads

Moro confirma que não sai candidato, mas sobre o supremo fica uma lacuna

BRASIL - O juiz federal Sérgio Moro, que conduz as investigações da Operação Lava Jato na primeira instância, afirmou nesta quinta-feira (4), na Câmara dos Deputados, que não há "nenhuma chance" de ele se candidatar a um mandato eletivo no futuro, assim deixa o Brasil órfão de esperança na política.

"Nenhuma chance [de disputar um mandato eletivo]. Sou juiz profissional, minha carreira é da magistratura e não pretendo sair", afirmou o Moro ao ser questionado pelo deputado federal Vanderlei Macris (PSDB- SP) se tem a intenção de disputar alguma eleição no futuro.
Questionado se pretende disputar uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), Moro desconversou. "Olha, veja, não existe nem vaga. São especulações que, na verdade, não favorecem juízes, são especulações que não me favorecem", disse.
Moro participou de uma audiência pública da comissão especial da Câmara que debate projeto de lei com medidas contra a corrupção sugeridas pelo MPF (Ministério Público Federal).

Nenhum comentário:

Patrocinador

Mídia Social Ronaldo Aleixo . Tecnologia do Blogger.