Header Ads

O amor a causa própria - Enquanto governador e prefeito viajam, pacientes ficam sem alimentação no João Lúcio

MANAUS - Cansados do atraso no pagamento,  cozinheiros do Hospital e Pronto Socorro Dr. João Lúcio Pereira Machado, na zona Leste de Manaus,   pararam o serviço, na manhã desta terça-feira, 21, e pacientes ficam sem alimentação.

Isto vai de encontro à informação repassada pelo governo de que disponibilizou R$ 40 milhões para pagamento de terceirizados da saúde. 

Por outro lado, está programado uma paralisação às  14:00 por parte dos terceirizados da empresa LBC. Eles farão uma manifestação  na frente da Delegacia Regional do Trabalho (DRT-AM). A empresa presta serviço para o estado e a Prefeitura.

Fonte: Portal dos Barés

Nenhum comentário:

Patrocinador

Mídia Social Ronaldo Aleixo . Tecnologia do Blogger.